2017 fevereiro

A história de Deus e o Deus da história – Os Históricos

Posted by | Blog do Osmar, Esboços | No Comments

Sem títuloDepois que o sol se pôs e veio a escuridão, eis que um fogareiro esfumaçante, com uma tocha acesa, passou por entre os pedaços dos animais. Gênesis 15.17

Na semana passada vimos que em nossa história de amor com Deus, uma aliança gera o cumprimento da promessa: Deus vai passar através da nossa história para abençoar todas as famílias da Terra. A partir desta perspectiva, o que podemos aprender com estes 12 livros históricos?

1. Enterre seu Moisés – Cuidado com o passado.

  • Moisés foi único, foi natural que Josué e o povo ficassem estáticos com a sua morte. Deus chama a atenção para o fato de que eles tinham que tomar a decisão de enterrar definitivamente o passado para que a vida continuasse. Quais os perigos do passado?

a. Ah como era bom!

  • Quando nosso passado foi maravilhoso somos tentados a fugir para lá todas as vezes que o presente fica difícil. Nostalgia é um sentimento perigoso de deslocamento da história presente. E só existe um lugar onde Deus pode nos achar, hoje.
  • O Diabo lustra alguns eventos para que nos seduza e automaticamente nos congele e faça de nós um murmurador e sem esperança.
  • A verdade é que nem tudo foi tão bom. Josué ouviu de Deus que ele seria com ele como foi com Moisés.
  • Quando enterramos nosso Moisés estamos prontos para superar nosso passado.

b. Ah como foi ruim!

  • Alguns eventos nos deixam marcas profundas. É inegável que algumas delas querem determinar quem somos, nossa decisão é se vamos deixar ou não. Um passado difícil pode nos dar referencias erradas para o presente e limitar quem somos.
  • Satanás mais uma vez “doura a pílula”, traz insistentemente à memória acontecimentos isolados que nos trazem dor. Esquecemos que ao mesmo tempo muitas coisas boas aconteciam ao nosso redor. Nem foi tão ruim!
  • Supere seu passado, deixe que a voz de Deus, e somente ela, determinar quem você é que quem pode vir a ser.

2. Queremos um Rei – qual é a vontade de Deus?

  • A monarquia entra em Israel de uma maneira inusitada, Deus abre uma concessão para atender um desejo do povo, então permite que Samuel, o ultimo Juiz, unja Saul, o primeiro Rei.
  • Toda a história da escolha de Saul foi marcada por coincidências. Deus estava manipulado a história? Ou apenas se aproveitou dela?
  • Não é a mesma pergunta que nos fazemos hoje? Qual a vontade de Deus? O que esta acontecendo é direção de Deus, ou fui eu quem quis?
  • Este tipo de crise pode atrapalhar nossa caminhada. Olhar para traz e solucionar todas as equações da vida só vão lhe conduzir a uma neurose.
  • Saiba que Deus não é pego de surpresa e ele não se desilude porque nunca se iludiu. Quando Deus decidiu passar em nossa história, sabia erraríamos. Ainda assim permanece misturando a Sua história com a nossa.
  • Faça uma oração adulta: Eu não sei como cheguei até aqui, nem entendo tudo. Talvez a minha história inclusive seja feia e louca. Assim como Davi, passa pelo meu caos e transforma em algo útil para sua glória.

3. Ladeira a baixo – o reino divido.

  • Israel se divide e vai de mal a pior como Deus já havia avisado. Os reis são um grande decepção. Nesta hora Deus cumpre sua promessa de preservar uma nação que seria ventre do Messias. O foco está em Neemias, Esdras, Zorobabel, Ester, Rute etc. Pessoas comuns, que não desejaram serem reis, e sim, tão somente fazer o que era agradável ao Senhor.
  • Deus só precisa de uma pessoa para passar em sua casa, no seu trabalho ou na sua faculdade. Mas não alguém que queria ser rei, e sim alguém que esteja disponível para ouvir como Ester ouviu: quem sabe não para isto que Deus te colocou como rainha.

 

Congresso Movimento acontece do dia 11 e 12 de março na IBBR

Posted by | Novidades, Pra você | No Comments

No dia 11 de março será realizado o Congresso Movimento – Multiplicando a vida de Deus neste mundo através de células saudáveis. Com o objetivo de motivar toda a igreja – quem já está em célula e quem quer começar a participar – a continuar se dedicando ao Reino de Deus promovendo células e vivendo o pastoreio mútuo.

Sabemos que a caminhada é longa e com alguns obstáculos, então, resolvemos realizar este congresso para animá-los e motivá-los! Para isso, contamos com a presença de todos.

Confira a programação e divulgação abaixo:

Dia 11 | Sábado

8h30 – Abertura com louvor
9h – Pr Walmir Andrade | Uma igreja baseada em relacionamentos
10h – Coffe Break
10h30 – Louvor
10h45 – Pr. Renato Mendonça | Experiências transformadoras nas células
12h- Encerramento

17h30 – Regresso com louvor

17h45 – Painel com Pr. António Kukul, Pr. Renato Mendonça e Pr. Walmir Andrade | O que precisamos entender quando uma igrja cresce

19h – Coffee Break
19h30 – Culto aberto | Pr Walmir Andrade

Dia 11 | Sábado – Rede de Crianças
11h e 17h45 – Pastoreio intencional da crianças | Lídia Cristina Mury de Aquino Santos

Dia 12 | Domingo

10h – Celebração | Pr. Walmir Andrade
19h – Celebração | Pr. Walmir Andrade

Mais informações com André Leal, Pr. Osmar Gomes ou pelo e-mail comunicacao@ibbr.org.br.

post